[sc:adsense]

Aldegundo Carames, de 20 anos, foi afastado das atividades da UFPR por seu comportamento inadequado. O jovem acredita que soltar gases fedidos durante as aulas é uma piada hilariante.

Para entreter os amigos, e firmar seu espaço como palhaço local, Aldegundo Carames promoveu uma verdadeira sessão de “peidos” mal-cheirosos e barulhentos quase ininterruptos. Valendo-se de incomum talento para acumular gases, o jovem conseguiu empestear toda a sala, constrangendo o professor enquanto arrancava gargalhadas de seus pares.

A UFPR resolveu manter Aldegundo em casa por uns tempos, para não apenas melhorar o comportamento como, quem sabe, esvaziar um pouco.

O pai do estudante pretende recorrer da decisão que suspendeu seu rebento. Considera que foi muito rigorosa com o rapaz.

“Bem sei que meu filho não é perfeito, mas eles foram longe demais com a punição”, disse o pai de Aldegundo.
[sc:adsense]