[sc:adsense]

“Estreiou ontem  Homem-Aranha, que retrata o mais humano dos heróis. Baseado nos quadrinhos, o filme traz o jovem Peter Parker se dividindo entre as aventuras heróicas e o cotidiano normal de um adolescente que tem aulas para acompanhar”. Taí uma chamada para O Espetacular Homem-Aranha, que estreia hoje em Curitiba. Mas é, ao mesmo tempo, a chamada de Homem-Aranha, filme de 2002. Passados dez anos do filme que trazia Tobey Maguire no papel principal — e que gerou uma trilogia, com sequências em 2004 e 2007 —, os produtores acharam interessante recomeçar tudo do zero. Ou, como se diz atualmente, fazer um reboot.
Ja em Curitiba temos nosso próprio homem aranha e ele é o reboot tambem , só que um pouco diferente a policia solta o bandido e ele volta a roubar .


O especialista em furtos em prédios, conhecido como “Homem Aranha”, foi preso  em uma favela do bairro Barreirinha, em Curitiba. Segundo a polícia, ele escalava os edifícios e entrava por sacadas, varandas e janelas. Ele é suspeito de ter furtado pelo menos 15 apartamentos desde que fugiu da cadeia, no dia primeiro de maio.
Patricia Pereira / Agência de Notícias Gazeta do Povo / Polícia prende
Homem aranha curitibano , preso junto com o amigo lanterna verde.

Valter Alexandre da Silva, de 28 anos, foi localizado na casa da prima dele por policiais da Delegacia de Furtos e Roubos. O suspeito diz que foi até o local apenas para comer e tomar banho e que já estava de saída quando foi abordado pela polícia. “Não deu tempo de fugir, senão eu saía com a janela e tudo”, declarou. Ele conta que normalmente ficava em hotéis e usava o dinheiro que furtava para pagar a estadia.

De acordo com o delegado Rodrigo Brown, a prisão do “Homem Aranha” é resultado de um mês de investigações. “Depois de um mês de muito trabalho, a equipe da Furtos e Roubos conseguiu localizá-lo com alguns objetos de um furto feito essa noite no bairro Mercês”. A polícia recuperou um notebook, chaves de veículos, bolsas e celulares.

À imprensa, o suspeito disse que rouba porque gosta de altura e que não sabe fazer outra coisa. Quando questionado se tem algum vício, ele respondeu: “sou viciado em altura”. O “Homem Aranha” fala que não tem medo de lugares altos e não sabe explicar como consegue subir nos prédios. O mais alto que ele já escalou tinha 28 andares. Valter também afirma que pratica furtos desde os dez anos de idade e que de tão especialista no crime, os moradores da casa nem percebem que ele está lá. “Nem o cachorro acorda”.

O suspeito tem o costume de se alimentar nos locais do crime. “Em casa de bacana só tem guloseima, musse de maracujá, iogurte, refrigerante”. Ele afirma que só invade apartamentos de pessoas de alto poder aquisitivo e que a escolha do prédio é aleatória. “Eu vejo só qual prédio eu ainda não invadi”. Ao ser questionado sobre o porquê de ele não investir na escalada esportiva, ele disse: “Não tem graça escalar sem roubar, suar e não trazer nada”.

Valter já cumpriu pena por furto de 2004 a 2008. Preso novamente em janeiro de 2011, ele conseguiu fugir da Colônia Penal Agrícola (CPA) no dia 1º de maio de 2012, quando correu 16 quilômetros, segundo ele. Ele fala que não está muito preocupado com a prisão e que em 2013 estará nas ruas de novo.

Com a prisão do Homem Aranha, o delegado afirma que é o fim desse tipo de crime em Curitiba. Ele também espera que a pena dele seja prolongada pela quantidade de furtos cometidos. “Esse tipo de crime sem violência acaba tendo penas reduzidas, mas vamos alertar o poder judiciário para que ele fique vários anos na cadeia”, disse.

Lanterna Verde

Suspeito de ajudar Valter Alexandre da Silva a guardar os objetos dos furtos, Ramon Vinícius Conrado Pereira Barbosa, de 20 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (18), no bairro Santa Felicidade, em Curitiba. Foram apreendidos com ele dois DVDs automotivos e uma moto. Na delegacia, ele foi apelidado de Lanterna Verde.

Ramon afirmou que a moto apreendida é dele e que estava com alerta de furto porque havia sido roubada há alguns dias. Ele também garante que não sabia que o amigo era o procurado “Homem Aranha“ e que apenas guardou os itens a pedido do amigo.

Nas imagens de uma câmera de segurança, Ramon aparece, segundo a polícia, ao lado de Valter em um furto na Avenida Presidente Getúlio Vargas, no Água Verde.



[sc:adsense]